Eu: Atleta.

Olá galera, tudo bem com vocês?

Vamos conversar sobre a proposta de sermos atletas, ok?

Já me perguntaram: Posso gozar de ótima saúde sem ser um atleta?

E a resposta é não.

Atletas experimentam uma proteção contra as devastações do envelhecimento e da doença que os não-atletas nunca irão encontrar.
Por exemplo, os atletas de 80 anos de idade são mais fortes do que muitos não-atletas em seus 25 anos de idade.

Se você acha que que treinar força não é importante, considere que a perda de força é o que coloca as pessoas em casas de repouso.  Atletas têm uma maior densidade do osso, os sistemas imunológicos mais fortes, menores riscos de doença cardíaca, risco de câncer reduzido  e menos depressão do que os não-atletas. Mas, o que é ser um atleta?

De acordo com o Collegiate de Merriam Webster,  atleta é “uma pessoa que é treinado ou especializado em exercícios, esportes ou jogos que exigem força, agilidade ou resistência “. Para a comunidade CrossFit um atleta é:  “uma pessoa que é treinado ou especializado em força, potência, equilíbrio e agilidade, flexibilidade e resistência. ” O modelo de “fitness” da CrossFit  tem “saúde” e “atletismo” tão fortemente misturados que para a maioria das finalidades eles podem ser visto como equivalentes.

Mas eu não quero ser um atleta; Eu só quero ser saudável!

Ouvimos isso muitas vezes, mas a verdade é que fitness, bem-estar e patologia (doença) são medidas do mesmo critério, ou seja, a sua saúde. Existem uma infinidade de parâmetros mensuráveis ​​que podem ser ordenados do doente (patológico) para o saudável (normal) e para o bem-condicionado-Fit-(melhor do que o normal). Estas incluem, mas não está unicamente limitado à: pressão arterial, colesterol, frequência cardíaca, índice de gordura, massa muscular, flexibilidade e resistência.

Atletas de elite normalmente apresentam estes parâmetros de forma excepcional. A aptidão aumentada (condicionamento melhorado) e saúde são a mesma coisa. Também é interessante notar que a maioria dos profissionais de saúde mantém a sua saúde com
medicações e cirurgias, cada um com um potencial efeito colateral indesejável, enquanto o Treinador/Educador/Profissional de Educação Física que atua com melhoria das capacidades de forma plena, normalmente alcança resultados excelentes na melhoria da qualidade de vida sem a adição destes efeitos colaterais…Pense um pouco sobre isso.

Não deixe de cuidar da sua saúde agora para ter que cuidar da doença no futuro.

Ainda voltaremos a falar um pouco sobre essa noção de Treinamento+alimentação saudável=Vida plena de saúde.

Nos vemos em breve!

Texto livremente traduzido dos artigos do CrossFit Journal http://journal.crossfit.com/ (todos os direitos reservados)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: